Turismo nas aldeias indígenas de Aquidauana é pauta de reunião na FUNDACT

Buscar alternativas para fomentar o turismo em suas diversas vertentes em Aquidauana é meta de trabalho da Fundação de Cultura/Turismo. Para isso a troca de experiências é fundamental.

Foi justamente para esse brainstorming (troca de ideias) que aconteceu, no último dia 16, uma reunião com a Professora Christiane Gioppo, da Universidade Federal do Paraná, a professora e indigenista Geyse Ortega, o professor Flávio Mendes e o cacique Célio Fialho, da Aldeia Bananal, que também estava em visita a fundação.

“Nós viemos trazer um pouco dos conhecimentos e experiências que temos com o trabalho junto aos índios terenas. Aquidauana tem potencial para promover o turismo nas aldeias, há muito a ser explorado nesse segmento, é mais um eixo do turismo a ser incluso, além do Pantanal e da pesca”, explicou a Prof.ª Christiane Gioppo.

O diretor-presidente da Fundação de Cultura/Turismo, Humberto Torres, agradeceu a presença e as sugestões recebidas e disse que há muito a ser feito no segmento turístico e cultural de Aquidauana, visando geração de renda, emprego e empoderamento das comunidades.

“O prefeito Odilon Ribeiro afirmou que as aldeias também estão inseridas no plano de desenvolvimento cultural e turístico. Para os projetos e ações, parcerias são bem-vindas. Fico muito satisfeito e estou aberto a sugestões, pois esses professores tem uma vasta experiência e trabalho junto à comunidade indígena. São contribuições válidas”, afirmou o diretor.

Fonte: Agecom