Senado aprova acordo para construção de ponte da rota bioceânica

Bancada federal aprovou emenda de R$ 58 milhões para iniciar obra

Senadores aprovaram, nesta terça-feira (17), acordo binacional para construção de ponte da rota bioceância entre o Brasil e Paraguai. Esta deverá interligar a cidade sul-mato-grossense de Porto Murtinho a paraguaia Carmelo Peralta. Há emenda de R$ 58 milhões para a obra.

O texto do acordo foi relatado pelo senador Pedro Chaves (PRB), tendo sido precedido na Câmara dos Deputados por parecer favorável do deputado federal Elizeu Dionízio (PSB).

Líder da bancada federal, o senador Waldemir Moka (MDB) ressaltou que a medida decorre da união de esforços em ambas as casas legislativas e refletirá na redução de 10 mil milhas no deslocamento de cargas entre Mato Grosso do Sul e os mercados asiáticos, por meio dos portos chilenos. “Vamos nos articular para que esse sonho seja concretizado”, reforçou.

Firmado em junho de 2016, o acordo binacional para a construção da ponte tinha previsto financiamento federal de R$ 100 milhões. Já estão assegurados, por emenda da bancada, ao menos R$ 56 milhões para início da obra que vai compor rota de 1.950 quilômetros com trechos no Brasil, Paraguai, Argentina e Chile.

Fonte: Campo Grande News