Plano Diretor é entregue para discussão e votação pela Câmara de Vereadores

Prefeito fala aos vereadores sobre o Plano Diretor _ Paulo Roberto

 

Na manhã desta quarta feira (13), o prefeito Maurílio Ferreira Azambuja (PMDB) e a secretária de Desenvolvimento Econômico e Meio Ambiente, Renata de Azambuja Silva Miranda Cruz, acompanhados de técnicos da FAPEMS (Fundação de Apoio à Pesquisa, ao Ensino e à Cultura de Mato Grosso do Sul), entregaram o Plano Diretor de Maracaju à Câmara Municipal para ser avaliado e votado pelos vereadores.

Durante a entrega foi feito uma apresentação técnica do que é e como funciona o Plano Diretor.

Técnico da Fapems, Sérgio Yonamine detalha Plano Diretor aos vereadores _ Paulo Roberto

De acordo com Sérgio Yonamine, que fez a apresentação, o plano Diretor é o instrumento básico da política de desenvolvimento e expansão urbana do município e tem como objetivo garantir o desenvolvimento das funções econômicas, sociais e ambientais do município, gerando um ambiente de inclusão socioeconômica a todos os cidadãos com ações de respeito ao meio ambiente .

O desenvolvimento do plano teve a participação da Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Secretaria de Obras e FAPEMS, e contou com a participação de todos os segmentos da sociedade maracajuense através do Conselho de Desenvolvimento Sustentável (CONDES).

A apresentação foi para que os vereadores tomassem conhecimento do projeto e os encaminhassem às comissões para discussão, análise mais aprofundada e votação em plenário.

A secretária de Desenvolvimento Econômico e Meio Ambiente, Renata de Azambuja Silva Miranda Cruz, disse que tudo foi feito dentro da legalidade e que o Conselho teve participação ativa no plano e que ele atende a todos os segmentos da sociedade.

Para o presidente da Câmara Municipal, vereador Hélio Albarello (PMDB), o Plano Diretor é de fundamental importância para o crescimento e organização do município, uma vez que, aprovado, passará a ser a bússola orientadora do desenvolvimento de Maracaju. Ele disse que vai convocar os vereadores de forma urgente para aprovação do Plano.

Para o prefeito Maurílio Ferreira Azambuja o Plano Diretor é o documento legal que os município buscam para poder se desenvolver de forma organizada. Lembrou que desde 2013 vem trabalhando junto os órgãos competentes na elaboração do plano respeitando detalhes de áreas como a habitacional, empresarial, industrial e, principalmente, o meio ambiente. “Estamos crescendo e precisávamos nos organizar para entendermos como crescer, onde crescer e de que forma crescer. Com a aprovação do Plano Diretor poderemos saber o que é melhor para todos” disse o prefeito.