FEMINICÍDIO: Mulher é morta com requinte de crueldade tem o rosto retalhado e cabelo cortado pelo ex

Eles estavam separados há três meses e ela tinha boletins de ocorrência contra o ex

(Reprodução)
Grazielly Karine Soares Alves de Lima, de 28 anos, foi encontrada morta na madrugada desta quarta-feira (22), na casa dela em Corumbá, a 444 quilômetros de Campo Grande, com várias perfurações de facadas no rosto e com o cabelo cortado.
O autor seria o ex-marido, que é conhecido como ‘Aquidauana/Xitu’, e faria serviços de mecânica. O feminicídio aconteceu no Bairro Popular Nova, por volta das 2 horas da madrugada, quando uma testemunha teria recebido uma ligação do ex-marido de Grazielly dizendo que ‘tinha feito uma besteira’ e assassinado a ex.
A testemunha foi até a casa para ver o que realmente aconteceu, quando viu marcas de sangue no chão e acionou a polícia. Quando os policiais chegaram, encontraram Grazielly morta sentada em um sofá, com vários ferimentos de faca, no rosto, braços, peito, cabeça e perna. Ela teve os cabelos cortados e espalhados pela casa pelo autor. A casa estava toda bagunçada com garrafas de cerveja quebradas, documentos da vítima cortados e respingos de sangue nas paredes e no chão.
O ex-marido de Grazilelly acabou fugindo em seguida. Testemunhas dizem que viram ele em uma  Harley Davidson. O  estava separado há três meses e Grazielly, inclusive, havia registrado um boletim de violência doméstica contra ele em março deste ano.


Se você saber alguma informação importante para nosso Estado, conte para o Hoje Cidades.

Se você tem fotos, vídeos de alguma informação importante aos moradores de Maracaju e toda nossa região, fale com nossa Redação neste link – Faça sua Denúncia

REPORTER POR UM DIA: Nossos leitores ou ouvintes pode nos enviar vídeos, fotos de sua denúncia, flagrantes, flagrantes inusitados, reclamações, sua identidade será mantida em sigilo, conforme previsto na Constituição brasileira entre os direitos fundamentais, no art. 5º, inciso XIV, o qual assegura o direito de acesso à informação, “resguardado o sigilo da fonte, quando necessário ao exercício profissional“. Envie seu material neste link – Fale Conosco