Família de idoso vítima da Covid-19 nega hipertensão e diabetes

Foto: Reprodução/Facebook

Segundo a família de Patrocínio Naveira, 10ª vítima fatal do Novo Coronavírus (Covid-19), em Mato Grosso do Sul, contou que o idoso, de 74 anos, não tinha doenças pré-existentes como hipertensão e diabetes. O que contraria as informações médicas repassadas ontem (3/5), ao anunciar sua morte.

A afirmação foi feita por Hellen Calvino, sobrinha do dentista, ao Midiamax.

“Falar na leitura que ele era hipertenso e diabético, isso foi um insulto para a gente que conhecia ele”, conta indignada.

A sobrinha do dentista, afirma que irá buscar o laudo médico oficial nesta segunda-feira (4/5), mas segundo ela, as informações constam apenas morte causada por Coronavírus.

Apesar da indignação, ela afirmou que, “o meu tio morreu por doenças respiratórias, por Covid-19, que destruiu 75% dos pulmões dele”.

Ainda conforme o Midiamax, a esposa do idoso também foi contaminada pelo Novo Coronavírus, e que também precisou ficar internada.

“Ela ficou doze dias internada e nesses dias ela teve pneumonia bacteriana, não conseguia comer, problema no esôfago e tudo que você puder imaginar, causado pelo vírus”, descreve.

Luiz Guilherme – Maracaju Hoje