Em Maracaju, DOF intercepta comboio de oito carretas com cigarro do Paraguai

Carretas com cigarro contrabandeado, interceptadas hoje pelo DOF (Foto: Divulgação)

Motoristas de caminhões levavam grande quantidade de dinheiro, possivelmente para pagar propina nas estradas

 

Um grande carregamento cigarro contrabandeado do Paraguai foi apreendido na madrugada de hoje (6) aqui no município de Maracaju por policiais do DOF (Departamento de Operações de Fronteira).

A carga ilegal estava em oito carretas que seguiam juntas do Paraguai em direção a Campo Grande. Os caminhões foram encaminhados para a sede do DOF em Dourados, para a contagem dos pacotes, já com a previsão de que seja um carregamento recorde.

Policiais que estavam na operação informaram que os motoristas levavam grande quantidade de dinheiro em espécie, possivelmente para pagar propina nas estradas.

Na noite do último domingo (3), dois policiais militares de Mato Grosso do Sul – o sargento Alex Duarte de Aguir, 38, e o cabo Rafael cabo Rafael Marques da Costa, 28, – foram flagrados em Campo Grande cobrando R$ 150 mil para liberar uma carga de 25 mil pacotes de cigarro, avaliada em R$ 1 milhão. Os dois tiveram a prisão preventiva decretada.

As apreensões de cigarro do Paraguai feitas neste ano pelo DOF são o dobro do volume interceptado no ano passado. Até o dia 14 de novembro, 810 mil pacotes tinham sido apreendidos pelo departamento em Mato Grosso do Sul. Nos 12 meses do ano passado foram 458 mil pacotes.