Câmara Municipal repassa cheque de R$ 54.151,00 ao Conselho de Segurança de Maracaju

Foto histórica: momento em que membros do Consema recebem, dos vereadores, o cheque relativo ao lucro da 2ª Feijoada Solidária _ Maracaju Hoje

Recursos foram auferidos com a realização da 2ª Feijoada Solidária; R$ 5.000,00 serão repassados pelo Consema à Casa da Criança de Maracaju

 

Jota Menon

Em solenidade realizada na manhã desta quarta-feira (02/08) na entrada da Câmara de Vereadores, o presidente do Legislativo Municipal, vereador Hélio Albarello (PMDB), acompanhado dos seus colegas de Casa, entregou um cheque no valor de R$ 54.151,00 ao Conselho de Segurança de Maracaju – Consema. O montante representa o lucro líquido obtido com a realização da 2ª Feijoada Solidária de Maracaju. Desse valor, o Consema repassará R$ 5.000,00 à Casa da Criança de Maracaju.

O cheque foi recebido pelos integrantes do Conselho que é presidido pelo tenente-coronel PM Juraci Pereira, e é integrado, ainda, por representantes da Polícia Civil, Corpo de Bombeiros, Ministério Público, Maçonaria, Poder Judiciário, Rotary Club e Prefeitura Municipal, além de representantes da comunidade.

Da esquerda para a direita: promotor de Justiça~, Estéfano Rocha Rodrigues da Silva; vereador Hélio Albarello; major BM Bruno; vereador Robert Ziemann; delegado Amilcar Paracatu; tenente-coronel PM, Juraci Pereira e vereadora Marinice Penajo; agachado, vereador Nego do Povo _ Maracaju Hoje

O coronel Pereira, o major BM Bruno, comandante do Corpo de Bombeiros, o promotor de Justiça Estéfano Rocha Rodrigues da Silva e o delegado da Polícia Civil, Amilcar Paracatu, acompanhados dos demais membros do Consema e dos vereadores presentes, receberam o cheque simbólico repassado à instituição.

Durante a solenidade as principais autoridades se manifestaram sobre a importância do evento que mobilizou praticamente toda a sociedade local.

O presidente do Consema, coronel Pereira, disse que o dinheiro arrecadado pela Feijoada já estava sendo usado pela corporação para a resolução de algumas pequenas demandas, dentre as quais a aquisição de uma mesa para os policiais lotados em Maracaju fazerem suas refeições. “Fico até meio envergonhado de relatar esse fato, mas a verdade é que nossos policiais não tinham uma mesa para as refeições e estavam almoçando e jantando em pé” admitiu.

O promotor de Justiça enalteceu o clima de união que norteou a realização da 2ª Feijoada Solidária e disse que os recursos serão, certamente, bem aplicados para melhorar a segurança pública no município. Aproveitando o relato do comandante da PM, o representante do Ministério Público disse que fatos como o descrito pelo coronel Pereira faz com que os policiais se sintam desmotivados.

“Melhor equipar nossos organismos de segurança, corrigindo pequenas deficiências como a relatada pelo coronel Pereira, certamente contribuirá para melhorarmos os serviços prestados à comunidade” disse o promotor Estéfano que conclamou a comunidade a participar ativamente do Conselho, uma vez que “segurança pública é um tema que diz respeito a toda a sociedade”.

O major BM Bruno, comandante do Corpo de Bombeiros em Maracaju, também não escondeu a satisfação de ver que os resultados obtidos pela promoção conjunta da Câmara Municipal com a sociedade organizada superaram as expectativas. O major afirmou que com ações como a Feijoada Solidária será possível fazer de Maracaju “a cidade mais segura de Mato Grosso do Sul”.

O presidente da Casa da Criança, Marcos Freire, não escondeu a emoção ao agradecer a doação de R$ 5.000,00, equivalentes a 10% da arrecadação da Feijoada Solidária, valor que foi repassado pelo Consema à instituição filantrópica. “Podem ter certeza de que esse dinheiro terá destinação correta e vai contribuir muito para melhorarmos o atendimento que oferecemos às crianças assistidas pela nossa instituição” frisou.

Por fim, o presidente da Câmara Municipal, vereador Hélio Albarello, agradeceu a todos os que se envolveram, de forma direta ou indireta, na realização da Feijoada Solidária e relatou que em mais de 30 anos na vida parlamentar não tinha vivenciado um momento de tamanha união entre todos os vereadores da Câmara Municipal. “Todos se propuseram a ajudar e ajudaram a alcançarmos o objetivo de arrecadar esse bom montante para ser investido na segurança da nossa cidade” disse.

Hélio nominou um a um os organismos da sociedade que se integraram à Câmara Municipal para o efetivo sucesso do evento e relatou aos presentes que a primeira-dama, Leila Azambuja, ficou tão empolgada com o resultado que chegou a sugerir a realização de dois eventos congêneres por ano.