Aliado do governo, PSDB deve votar quase em bloco a favor de denúncia contra Temer

CCJ da Câmara votará sobre autorização ou não de denúncia contra Temer - Luis Macedo / Agência Câmara

Deputado Paulo Abi-Ackel pode ser o único no partido a se posicionar ao lado do presidente

 

 

CATARINA ALENCASTRO

04/07/2017 – 16:22 (DF)

 

BRASÍLIA – Um dos mais importantes aliados do governo, o PSDB deve votar quase em bloco a favor da autorização da denúncia contra o presidente Michel Temer na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) da Câmara.

De acordo com as contas da bancada, dos sete membros do partido na Comissão, apenas um ou dois votarão contra a denúncia.

Um voto certo pró-Temer é o do deputado Paulo Abi-Ackel (MG), que durante as sessões da CCJ sempre se manifesta em defesa do governo.

O líder do PSDB na Câmara, deputado Ricardo Tripoli (SP), disse que houve interesse de alguns membros de serem substituídos, mas que ele não trocará ninguém.

— Não tem sentido fazer qualquer substituição na CCJ. O partido escolheu seus integrantes lá atrás e estão todos fazendo um bom trabalho. Não vejo sentido em trocar por conveniência. Cada um votará de acordo com sua consciência — afirmou Tripoli.